Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ministro do STJ alerta sobre número ‘astronômico’ de crimes no Brasil

Equipe BR Político

Na contramão da retórica de vários governantes de minimizar o quão violento é o Brasil, o coordenador do grupo de trabalho do Conselho Nacional de Justiça que elaborou proposta para agilizar os julgamentos do Tribunal do Júri, o ministro do STJ Rogerio Schietti, alerta que “nós somos um dos países em que mais se praticam crimes no mundo. Um número astronômico, de guerra, de homicídios”, em entrevista ao Estadão. O alerta foi dado em crítica à insuficiência de juízes no País.

O ministro do STJ Rogerio Schietti Cruz

O ministro do STJ Rogerio Schietti Cruz Foto: Gustavo Lima/STJ

“É frustrante, por isso (demora da Justiça estimula impunidade) que precisamos ter uma Justiça mais ágil. É preciso dizer o seguinte: isso não é só por culpa nossa, mas por uma excessiva litigiosidade. Nós somos um dos países em que mais se praticam crimes no mundo. Um número astronômico, de guerra, de homicídios. O Brasil é um país onde se comete muito crime e aí você não tem juízes suficientes para julgar e você não tem uma estrutura para executar essas penas”, afirmou ele.

Tudo o que sabemos sobre:

Rogério SchiettiCNJcrimesviolência