Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moraes ordena bloqueio de redes sociais de investigados por fake news

Equipe BR Político

O ministro Alexandre de Moraes, STF, mandou bloquear contas no Facebook, no WhatsApp, no Twitter e no Instagram de sete investigados no inquérito sobre as supostas fake news contra membros da Corte. São alvo de buscas da PF nesta terça-feira, 16, o general da reserva Paulo Chagas, o membro da Polícia Civil de Goiás Omar Rocha Fagundes, Isabella Sanches de Sousa Trevisani, Carlos Antonio dos Santos, Erminio Aparecido Nadini, Gustavo de Carvalho e Silva e Sergio Barbosa de Barros, informou o Estadão.

Na decisão, Alexandre afirmou que documentos e informações coletados pela investigação apontam “sérios indícios da prática de crimes”. Segundo o ministro, as postagens em redes sociais contêm “graves ofensas a esta Corte e seus integrantes, com conteúdo de ódio e de subversão da ordem”.