Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Moro assume cargo em consultoria ligada à Odebrecht

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Sete meses após deixar o governo de Jair Bolsonaro, o ex-ministro da Justiça Sergio Moro já tem um novo emprego. Ele será sócio-diretor da empresa de consultoria americana Alvarez & Marsal, que atua como administradora judicial da Odebrecht, empreiteira investigada pela Lava Jato. O anúncio da contratação do ex-juiz foi feito no site da empresa, nesta segunda-feira, 30.

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro Foto: Gabriela Biló/Estadão

“A contratação de Moro está alinhada com o compromisso estratégico da A&M em desenvolver soluções para as complexas questões de disputas e investigações, oferecendo aos clientes da consultoria e seus próprios consultores a expertise de um ex-funcionário do governo brasileiro”, diz o comunicado da empresa.

Pelo Twitter, Moro comemorou o ingresso na “renomada empresa de consultoria internacional Alvarez&Marsal para ajudar as empresas a fazer coisa certa”, escreveu. O ex-ministro afirmou ainda que não vai atuar “em casos de potencial conflito de interesses”, disse.

No anúncio, a Alvarez & Marsal destaca ainda que Moro é “especialista em liderar investigações anticorrupção complexas” e também em estratégias de compliance.

Encerrou em outubro a quarentena de seis meses que o ex-ministro era obrigado a cumprir após deixar o serviço público e assumir cargo na iniciativa provada.

Pelas redes sociais, a atuação de Moro na Lava Jato e a contratação recém-anunciada estão sendo vistas com desconfiança.