Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro confiante que pacote anticrime será votado ainda este ano

Equipe BR Político

Destacando que a prioridade do Congresso no ano foram as agendas econômicas, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse acreditar que ainda este ano haverá a votação, em alguma das Casas (Câmara ou Senado), de seu projeto anticrime.

Em entrevista à rádio CBN na manhã desta quinta-feira, 21, Moro foi questionado sobre pontos que foram retirados durante a tramitação, mas que deveriam, em sua opinião. O ministro citou dois: o primeiro diz respeito a veredictos de tribunal do júri terem execução imediata. “Pelo menos para crime de assassinatos, queremos que haja execução após primeira instância”, afirmou.

O segundo ponto que deveria ser resgatado, segundo ele, é o uso de videoconferência em audiências com presos. “Há custo enorme (nesses processos)”, argumentou o ministro, citando números do Estado de São Paulo, segundo o Broadcast Político. “Salvo algum equívoco com os números, São Paulo gastou mais de R$ 40 milhões em deslocamentos de presos para audiência no ano passado”, exemplificou, dizendo que, além do custo, esses deslocamentos “expõem policiais e população a riscos”.

Tudo o que sabemos sobre:

sergio moropacote anticrimevotação