Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro diz que ‘a prisão de radicais é correta’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Após a Polícia Federal prender a ativista Sara Winter, líder do movimento pró-governo “300 pelo Brasil”, o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou nesta segunda-feira, 15, que “a prisão de radicais” é “correta”.

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro Foto: Gabriela Biló/Estadão

A prisão ocorreu na esteira dos atos do último final de semana contra o Supremo Tribunal Federal, em que manifestantes pró-governo lançaram fogos de artifício contra a sede da Corte. O pedido de prisão foi feito pela Procuradoria-Geral da República e autorizado pelo ministro do STF Alexandre de Moraes.

“A prisão de radicais que, a pretexto de criticar o STF, ameaçam explicitamente a instituição e seus ministros, é correta. A liberdade de expressão protege opiniões, mas não ameaças e crimes. O debate público pode ser veemente, mas não criminoso”, escreveu Moro no Twitter.

Notícias relacionadas

Tudo o que sabemos sobre:

sergio moroSara Winterprisão