Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro e Bolsonaro falam sobre liberação de vídeo

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Os dois principais personagens da ação sobre o vídeo da reunião ministerial falaram sobre a possível divulgação ao público da gravação. Sérgio Moro e Jair Bolsonaro, outrora aliados, agora também divergem sobre o fim do sigilo sobre o encontro no qual o presidente teria falado sobre seu interesse na troca do superintendente da PF no Rio. Bolsonaro disse que, por ele, qualquer parte do vídeo que seja pertinente ao inquérito pode ser divulgado, mas não quer que a íntegra da reunião seja mostrada. Já Moro quer que toda a gravação vá a público.

“O acesso ao vídeo da reunião ministerial do dia 22/4 confirma o conteúdo do meu depoimento em relação à interferência na Polícia Federal, motivo pelo qual deixei o governo. Defendo, respeitosamente, a divulgação do vídeo, de preferência na íntegra, para que os fatos sejam confirmados”, disse o ex-ministro.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair Bolsonarosergio moroPolícia Federal