Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro: ‘É difícil mudar a percepção sobre corrupção’

Equipe BR Político

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, repercutiu, na manhã desta sexta-feira, 24, a piora de posição do Brasil no ranking que mede a percepção sobre a corrupção. De acordo com o levantamento da Transparência Internacional, o País teve o 5º recuo seguido e passou a ocupar 106ª posição no Índice de Percepção da Corrupção (IPC).

“Indicadores da Transparência Internacional mostram como é difícil mudar a percepção sobre corrupção.Nota no Brasil não melhorou nos últimos anos apesar dos avanços da Lava Jato e de 2019”, escreveu o ministro no Twitter. A pauta de combate à corrupção foi o cartão de visita que levou Moro ao governo de Jair Bolsonaro. Na sequência da mensagem, ele cobrou a atuação do parlamento. “Isso significa que precisamos fazer muito mais, inclusive no Congresso”, opinou. No ano passado, a inclusão do juiz de garantias no pacote anticrime gerou desgaste na relação entre Moro e os parlamentares.

“Combater a corrupção é agenda de País, não só de governo. Um primeiro passo fundamental é retomar a execução da condenação em segunda instância por emenda constitucional ou por lei ou por ambos.Só assim condenados por corrupção podem ser, na prática, punidos”, concluiu o ex-juiz.