Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro reafirma que presos perigosos devem seguir presos

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, manifestou mais uma vez, via Twitter, a opinião de que presos por crimes graves permaneçam na cadeia em meio à pandemia do novo coronavírus. “A Recomendação 62/CNJ deixa aos juízes a apreciação dos casos de soltura e duvido que o objetivo seja colocar em liberdade ou em domiciliar criminosos perigosos”, escreveu Moro, neste domingo, 5, ao compartilhar uma reportagem que revela que presos por crimes graves vão para o regime domiciliar no Paraná por risco de contaminação pelo coronavírus.

“Juízes deveriam manter presos homicidas, membros de quadrilhas, entre outros. Não há infectados”, escreveu o ministro.

Tudo o que sabemos sobre:

sergio moroPresosnovo coronavírus