Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Moro vai procurar Maia para selar a paz

Vera Magalhães

O ministro Sérgio Moro (Justiça) afirmou nesta sexta-feira ao BR18 que vai procurar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para desfazer os mal-entendidos e restabelecer um diálogo respeitoso a respeito da tramitação da proposta anticrimes. Moro minimizou a troca de farpas entre ele e Maia e afirmou que ruídos são normais em debates públicos, mas que respeita a autoridade do presidente da Câmara. “Essas divergências são normais, mas da minha parte pretendo conversar com o Rodrigo Maia e esclarecer isso”, afirmou. Ele disse que houve “lamentáveis desentendimentos”, mas nada que não possa ser consertado com diálogo”. “Com a liderança dele na Câmara podemos avançar na agenda anticrime”, completou o ministro.

Moro não quis fazer nenhuma manifestação quanto à prisão preventiva e temporária do ex-presidente Michel Temer e de outras nove pessoas determinada pelo juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato do Rio. “Não cabe a mim me manifestar sobre casos concretos. Tenho apenas de defender a total independência do Judiciário, tanto de primeiro grau quanto das instâncias superiores”, afirmou Moro. / Vera Magalhães