Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Mourão bate bumbo contra as ‘condutas antirrepublicanas’

Marcelo de Moraes

Representante de Jair Bolsonaro na solenidade de abertura do ano Judiciário, o vice-presidente Hamilton Mourão usou seu discurso para reforçar a imagem de que o governo não precisou apelar para o chamado presidencialismo de coalizão para aprovar propostas importantes como a reforma da Previdência. A prática, baseada no toma lá, dá cá escancarado envolvendo liberação de cargos e de recursos, de fato se reduziu. Mas ainda acontece.

Vice-presidente da República, Hamilton Mourão

Vice-presidente da República, Hamilton Mourão Foto: Alejandro Pagni/AFP

“Ficou claro que não é necessário utilizar-se de condutas antirrepublicanas para a aprovação das reformas estruturantes que o País necessita, como foi a aprovação da reforma da Previdência, que contou com o comprometimento de todos os Poderes e da sociedade brasileira”, disse Mourão no discurso.

Tudo o que sabemos sobre:

Hamilton MourãogovernoReformas