Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Mundo com novo recorde: 11,1 mil mortes de covid em 24 horas

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Os Estados Unidos atingiram novo recorde de casos de covid-19 na terça, 17: 161 mil, segundo dados da Universidade de Johns Hopkins. No dia anterior, o número era de 158 mil. O país registra 248 mil óbitos, o maior do mundo, e 11,3 milhões de casos. Em seguida vem Brasil (166 mil), Índia (130 mil), México (99 mil) e Reino Unido (52 mil).

No mundo, os dados de ontem também foram alarmantes: 11.115 mortes, um novo recorde diário que supera o de 11 mil óbitos no dia 4 de novembro, segundo o  levantamento da universidade. O pico de mortes durante a primeira onda da pandemia foi de 8.365 pessoas, no dia 17 de abril.

Mais de 55 milhões de pessoas contraíram a doença e houve mais de 1,3 milhão de mortes em todo o planeta desde o aparecimento do coronavírus.

A Europa é o epicentro da segunda onda. Os países do continente vêm registrando números recorde desde o mês de outubro e começaram a adotar novas medidas para frear a contaminação. Segundo anúncio da OMS feito nesta quarta-feira, o número de novos casos de covid-19 na Europa caiu na semana passada pela primeira vez em três meses, mas o número de mortes continua aumentando no continente.

Ontem, a França ultrapassou a Rússia em número de casos e superou os 2 milhões de infectados, e a Itália registrou o maior número de mortes em sete meses.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Covid-19mundo