Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Museu dos EUA cancela agenda com Bolsonaro

Equipe BR Político

O Museu Americano de História Natural não vai mesmo sediar a premiação da Câmara de Comércio Brasil-Estados oferecida ao presidente Jair Bolsonaro no dia 14 de maio, conforme informou nesta tarde de segunda, 15, pelo Twitter. A decisão foi tomada após a instituição ter sido alvo de protestos nas redes sociais de integrantes da comunidade científica para que não sediasse o encontro sob o argumento de que o presidente não respeita o meio ambiente.

No domingo, 14, o museu no microblog respondeu à pressão que estava “profundamente” preocupado “com os objetivos declarados da atual administração brasileira, e estamos trabalhando ativamente para entender nossas opções relacionadas a este evento”.