Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Não tenho acesso aos autos’, diz presidente sobre facada

Equipe BR Político

Enquanto sabe o que dizem as investigações das suspeitas de laranjal no PSL, conforme afirmou em Osaka, o presidente Jair Bolsonaro afirma que não teve acesso aos autos relacionados à facada que recebeu em Juiz de Fora, em setembro do ano passado, mas que passa para o titular da Justiça “informação que chega” para ele. “Não tenho acesso aos autos, mas converso com Sergio Moro, tem informação que chega para mim e que passo para ele apurar também. É natural. Agora, não quero que inventem responsável pela tentativa de assassinato à minha pessoa, quero é chegar à solução”, disse ele a jornalista ao participar de solenidade da guarda presidencial, nesta sexta, 5, em Brasília.

O colunista Rubem Valente lembra hoje na Folha que o presidente declarou em sua passagem pelo G-20, no tocante à investigação que tramita sob sigilo na 26ª Zona Eleitoral de Minas Gerais sobre candidaturas de fachada do PSL, que “ele (Moro) mandou a cópia do que foi investigado pela Polícia Federal pra mim. Mandei um assessor meu ler porque eu não tive tempo de ler”.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroPSL