Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Negros e pardos são maioria das vítimas fatais do coronavírus

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Negros e pardos são a maioria das vítimas fatas da covid-19 no Brasil. De acordo boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira, 18, pelo Ministério da Saúde, 54,8% dos óbitos registrados são de pessoas negras e pardas. Ao todo, o País contabiliza mais de 250 mil diagnósticos da doença e 16.792 óbitos.

54,8% dos óbitos registrados são de pessoas negras e pardas

54,8% dos óbitos registrados são de pessoas negras e pardas Foto: Silvia Izquierdo/AP

De acordo com os dados, as pessoas brancas formam maioria entre os pacientes hospitalizados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (51,4%), mas são minoria entre os mortos (43,1%). Entre pardos, há diferença considerável na proporção de internados e mortos: elas são 38,7% nos hospitais, mas 47,3% das vítimas fatais.

Negros são 7% dos internados, mas 7,5% entre os mortos; indígenas, 0,3% e 0,5%; e amarelos têm a mesma proporção nos dois recordes (1,7%), segundo o UOL.

Tudo o que sabemos sobre:

mortesnegrospardoscoronavírus