Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Novo rifa Salles

Equipe BR Político

Diante da avalanche de reações contrárias à política ambiental do governo federal nas últimas semanas, potencializada nesta quinta, 22, o Novo publicou uma nota em que diz que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, que é filiado ao partido, não representa a instituição e que não há qualquer interferência do Novo na gestão da pasta. Além disso, deixa claro que, se dependesse hoje do Novo, Salles não faria parte do partido mais. “O Diretório Nacional do NOVO emitiu, em 31/05/2019, uma resolução determinando que qualquer filiado que venha a participar em um cargo público relevante em qualquer instância de governo, quando não for indicado pelo NOVO, deverá solicitar a suspensão da sua filiação. A resolução, como estabelece a lei, não tem efeito retroativo, e portanto, não se aplica ao ministro”, diz o texto.

Assine o BR Político para ter acesso a produtos e informações exclusivos. Clique neste link para se tornar um assinante.

Tudo o que sabemos sobre:

NovoRicardo SallesMeio Ambiente