Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Novo suspende liminarmente candidatura de Filipe Sabará

Alexandra Martins

Exclusivo para assinantes

O Conselho de Ética do Partido Novo comunicou aos diretórios Nacional e Municipal sua decisão pela suspensão em caráter liminar dos direitos do filiado Filipe Sabará, atual pré-candidato ao cargo de prefeito de São Paulo. Todas as ações de campanha de Sabará ficam, assim, suspensas.

“A decisão da CEP (Conselho de Ética Partidária) corre em sigilo, tendo o filiado o prazo previsto no nosso Estatuto para a manifestação da sua defesa e posterior julgamento pela CEP. Em função desta decisão, e devido a outras averiguações em andamento, o Diretório Nacional reforça a determinação da CEP de suspensão temporária de todas as ações de pré-campanha e de campanha em nome do candidato até que o assunto seja efetivamente julgado pela referida comissão”, informou o partido.

Ala do Novo é contra a defesa que o candidato faz do presidente Jair Bolsonaro. Na semana passada, caiu mal no partido a declaração dele de que Paulo Maluf foi o melhor prefeito de todos os tempos de São Paulo. Ele também entrou em divididas com o empresário Rogério Chequer, que já foi candidato governador de São Paulo pelo partido.

Tudo o que sabemos sobre:

Filipe SabaráNovosuspensão