Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O estrago foi grande

Marcelo de Moraes

Aliados de Jair Bolsonaro reconhecem que foi grande o estrago político causado pelas movimentações financeiras atípicas feitas por Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador eleito Flavio Bolsonaro. A avaliação é que o caso ainda pode estar longe de terminar, ampliando o desgaste no futuro governo.

Mesmo sabendo que não há como controlar os rumos de uma agenda negativa desse tipo, a orientação é tentar mudar de tema, focando nos anúncios de medidas para o próximo governo e repetindo que quem precisa se explicar é Fabrício. /M.M.

Tudo o que sabemos sobre:

BolsonaroFabrício Queiroz