por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O futuro da Educação

Neste domingo é Dia da Educação. Em sua coluna no Globo, Míriam Leitão analisa estudos e tendências mundiais neste campo para constatar que o futuro do Brasil é inquietante. “A tendência não é entregar ao estudante o conteúdo fechado, mas desenvolver habilidades. O conhecimento está em evolução permanente. É preciso ser capaz de alcançá-lo. Outra constatação recente dos especialistas é que aprende melhor quem tem autoconfiança e sensação de pertencimento. Por isso os fatores socioemocionais entraram no radar dos educadores”, escreve.