Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O ‘novo’ Congresso que vem por aí

Marcelo de Moraes

Extremamente renovado, o Congresso tem dado sinais confusos sobre a real mudança de suas práticas políticas. No processo de sucessão para o comando da Câmara e do Senado e na disputa por vagas na Mesa Diretora e na presidência das comissões técnicas está valendo o toma lá, dá cá de sempre e acordos com pouca afinidade ideológica. Diante disso, é difícil não apostar que essa prática será mantida também na votação de propostas importantes como a reforma da Previdência, por exemplo.

Na Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) deverá ser reeleito já no primeiro turno. No Senado, a disputa parece mais indefinida. Nas duas Casas, mas especialmente na Câmara, vão predominar três forças majoritárias: os governistas, liderados pelo PSL do presidente Jair Bolsonaro; a oposição, formada pelos partidos de esquerda; e o Centrão, com aquela turma que varia de posição conforme a circunstância da ocasião. /M.M.

Tudo o que sabemos sobre:

Congresso