Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O perigo para a reforma mora nos ‘votos em separado’

Marcelo de Moraes

Sem entendimento com o Congresso, o governo corre o risco de ver a reforma da Previdência ter seu conteúdo alterado nas comissões onde começam sua tramitação. E já existe um pulo do gato sendo bolado por integrantes do Centrão para alterar o projeto. Um deputado do grupo apresenta um “voto em separado”, diferente do relatório governista e inclui alterações no texto. A ideia é despejar o maior número possível de votos nessa proposta alternativa que, se for aprovada, passa a ser o texto da reforma.

Deputados de partidos como PP e Solidariedade estão dispostos a apresentar esses votos em separado, propondo, inclusive, redução da idade mínima para aposentadoria, além de outras suavizações da reforma. Isso aumenta a necessidade de o governo organizar sua base, sob pena de ver sua proposta perder o impacto econômico previsto pela equipe econômica. /M.M.