Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O PT e o sermão do papa

Equipe BR Político

Lideranças dos partidos de esquerda no Brasil estão utilizando o sermão do papa Francisco em missa no Vaticano nesta quinta-feira para reforçar a ideia de que ocorre no País um “golpe parlamentar-midiático”.  Manuela D’Ávila, do PC do B, e a página de Lula compartilharam um trecho:

“Criam-se condições obscuras para condenar a pessoa. A vida civil, a vida política, quando se quer fazer um golpe de Estado: a mídia começa a falar mal das pessoas, dos dirigentes, e com a calúnia e a difamação essas pessoas ficam manchadas. Depois chega a Justiça, as condena e, no final, se faz um golpe de Estado”, disse Francisco, sem se referir a nenhum país em especial.

Assista trecho do sermão de Francisco:

 

Tudo o que sabemos sobre:

manuela davilaLulaPapa Francisco