Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

O silêncio de Guedes

Equipe BR Político

Depois de um início em que declarações suas demonstravam pouco conhecimento da gravidade do quadro fiscal que vai enfrentar, Paulo Guedes está sabiamente quieto, escreve Zeina Latif em sua coluna no Estadão nesta quarta-feira. A economista saúda a escolha do time que irá cuidar da reforma da Previdência, cujas habilidades seriam complementares para encarar o problema, e diz que Guedes deveria se empenhar, agora, em convencer Jair Bolsonaro da real necessidade da reforma. “Seria importante Guedes conter as falas ambíguas e equivocadas de Bolsonaro e do núcleo duro que o cerca. A retórica alimenta a percepção de que o presidente eleito não tem suficiente clareza sobre a insustentabilidade da Previdência e suas regras injustas. Adquirir esse conhecimento será parte de sua missão de defender politicamente essa agenda. Caso contrário, será improvável o apoio do Congresso. Na política, as palavras têm peso.”