Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

ONU pede ‘diálogo’ contra violência

Alexandra Martins

O Alto Comissariado da ONU para Direitos Humanos apelou ao “diálogo” no Brasil após o atentado com faca ocorrido contra o presidenciável Jair Bolsonaro, na quinta, 6, em Juiz de Fora (MG), segundo informa o correspondente do Estadão, Jamil Chade, em Genebra. “Pedimos que quaisquer diferenças em opiniões políticas sejam resolvidas pelo diálogo, e não pela violência, em qualquer ambiente eleitoral. E o Brasil não é uma exceção”, afirmou Ravina Shamdasani, porta-voz do colegiado.

Tudo o que sabemos sobre:

Jair BolsonaroONU