Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Onyx e Joice geram desconfiança em liberação de emendas

Equipe BR Político

O clima pesou para o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e a líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann, na quarta-feira, 26. Isso porque, aliados do Planalto afirmam que os dois prepararam acordo para a liberação de verbas a deputados pró-reforma sem antes avisar os ministérios.

Precisou o general Luiz Eduardo Ramos, que vai assumir a Secretaria de Governo, ser acionado por integrantes do PSL para tentar pôr ordem nos repasses, segundo o Painel da Folha. Ontem mesmo, o lote extra de emendas foi liberado. Com isso, a oferta do governo pela aprovação da reforma foi dobrada, e cada parlamentar que votar pelo texto terá R$ 10 milhões por apoio na comissão e mais R$ 10 milhões no plenário.

Tudo o que sabemos sobre:

Onyx LorenzoniJoice Haselmann