Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Onyx sobre liberação do Orçamento: ‘Governo foi cauteloso’

Equipe BR Político

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, comemorou nesta segunda-feira, 18, a liberação total dos recursos previstos no Orçamento de 2019. Como você já leu aqui no BRP, boa parte dos ministérios estavam com as verbas contingenciadas. “O Orçamento executado neste ano foi o que herdamos do governo passado, com uma projeção de crescimento irreal para a economia. Este governo foi primeiro cauteloso, depois foi rigoroso na liberação das despesas”, disse Onyx. “Agora, os ministérios terão condições de concluir tudo que estava programado”.

Um dos fatores que contribuíram para a liberação dos recursos é a previsão de o déficit primário inferior a R$ 80 bilhões, quando a meta admite um rombo de até R$ 139 bilhões. Para Onyx, a previsão mostra o resultado da política de controle de gastos do governo. “Todos os ministros fizeram sacrifícios durante todo o ano para cortar despesas e fechar as contas, igual a todas as empresas e famílias. Aqui não tem anúncio mirabolante, tem trabalho duro e sério”, completou.

Segundo informações do Broadcast Político, o ministro completou, ainda, que o governo pretende enviar ao Congresso uma nova versão do Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2020, contendo um novo leilão de duas áreas do pré-sal que não foram adquiridas em novembro deste ano.

Tudo o que sabemos sobre:

Onyx LorenzoniOrçamentocontrole fiscal