Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Opinião Ideia Big Data: A travessia do inferno na cabeça dos brasileiros

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Por Mauricio Moura

A atual luta da humanidade contra a Covid-19 se compara, como pregam muitos, ao período da Segunda Guerra Mundial. Caos, mortes, perspectiva de depressão econômica global e muitas dúvidas sobre o futuro. Como agiriam líderes como o primeiro ministro britânico Winston Churchill, uma das figuras históricas mais importantes da época, se tivessem hoje capitaneando seus governos perante essa crise de incomparáveis dimensões? Sir Churchill tinha uma frase que pregava: “Se estiver passando pelo inferno, continue caminhando.” E muitos, se perguntam atualmente como continuar caminhando nesse contexto surreal.

O IDEIA Big Data realizou uma pesquisa via telefone celular, com amostra nacional de 1.555 entrevistados, nos últimos dias (24 e 25/03) e constatou que o receio da sociedade sobre “o inferno a ser atravessado” se apresenta em diversas dimensões. A começar pelo medo de ficar infectado: aproximadamente 70% dos respondentes dizem temer a infecção. Nem a AIDS, no seu ápice e incerteza dos anos 80, despertava tanto receio e medo da opinião pública.

O segundo elemento é o emprego. Nenhum economista consegue dimensionar o tamanho do abalo econômico que o Brasil e o mundo devem sofrer com esse processo. O fato é aproximadamente metade (50%) dos brasileiros demonstrou na pesquisa o medo de perder emprego. O número é estratosférico já considerando o nível de informais e autônomos da economia brasileira. Até os funcionários públicos, com menos grau de intensidade, se mostram preocupados com o nível de emprego pós -“inferno”.

 

*É economista, PhD em Economia e Política do Setor Público. Maurício é professor visitante na George Washington University e recebeu recentemente certificado do Programa da Owner/President Management da Universidade de Harvard. Fundador e Presidente do IDEIA Big Data.

Tudo o que sabemos sobre:

Ideia Big Datacoronavírus