Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Orçamento impositivo agora é ‘assunto secundário’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Como você mais cedo aqui no BR Político, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, vai priorizar na Casa as medidas que o governo enviar para combater os efeitos do coronavírus na pauta de votações. Diante disso, as discussões sobre Orçamento impositivo passam a ser assunto secundário, conforme afirmou à Rádio Bandeirantes. “Essa discussão ficou menor (…) Governo vai ter de gastar na saúde valores muito maiores do que os R$ 5 bilhões (calculados pelo ministro Paulo Guedes para “aniquilar o vírus”)”, disse. O valor foi liberado por medida provisória editada pelo governo na sexta-feira depois de acordo fechado com o Congresso. O recurso tem origem em emendas para a saúde.

Presidente da Câmara dos Deputados, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O parlamentar citou como um dos focos da prioridade aqueles trabalhadores que estão fora da rede de seguridade social. “Como uma pessoa que não tem renda formal vai para quarentena? Um motorista de Uber, por exemplo. Esses são os problemas dos quais o orçamento tem de ter prioridade”, disse.