Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Os tentáculos do Estado Islâmico no Brasil

José Fucs

O Ministério Público Federal denunciou 11 brasileiros por formação de organização criminosa e promoção do Estado Islâmico no País. Na avaliação do MPF,  houve tentativa de recrutar jihadistas para se juntar ao grupo terrorista, discussões sobre a realização de atentados no Brasil e planos para formar uma célula nacional do EI.

Segundo reportagem  publicada pelo Estadão nesta quinta-feira, 17, a denúncia tem como base conversas mantidas em aplicativos de mensagem e redes sociais interceptadas pela Polícia Federal. As investigações começaram em novembro de 2016, após a PF receber informações da Guarda Civil da Espanha de que números de telefones brasileiros estavam em grupos do aplicativo WhatsApp suspeitos de promover, organizar ou integrar o EI. / J.F.