Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para Alexandre de Moraes, ministros pedem ‘nova relação’ entre STF e Planalto

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Nesta sexta-feira, 19, três ministros tiveram uma missão especial dada por Jair Bolsonaro: ir até São Paulo e tentar junto a Alexandre de Moraes o início de uma “pacificação” entre Planalto e Supremo. Ainda é cedo para dizer se Jorge Oliveira (Secretaria-Geral), André Mendonça (Justiça) e José Levi (AGU) tiveram sucesso ou se foram um fiasco. O que se sabe é que eles tentaram convencer o magistrado que Bolsonaro está disposto a uma nova relação com a Corte, segundo a Folha.

Na última quinta-feira, o presidente iniciou uma espécie de “acordo de paz” com o Judiciário ao demitir Abraham Weintraub do Ministério da Educação. O ministro era “persona non grata” desde que foi exposto chamando os membros da Suprema Corte de “vagabundos” e ameaçando prendê-los. Como o BRP vem mostrando ao longo da semana, por enquanto não há bandeira branca. O STF manteve em funcionamento o inquérito que apura fake news. A Corte também toca a todo vapor, ações contra aliados de Bolsonaro em outra investigação, que apura ataques contra a sede da instituição no último final de semana.

Tudo o que sabemos sobre:

Alexandre de MoraesJair BolsonaroSTF