Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para bancada do PT na Alesp, ‘antecipar feriado é pouco’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Em sessão virtual da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) prevista para esta tarde de quinta, 21, para a deliberação projeto de lei 351/2020, a bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) apresentará medidas complementares ao PL, que altera a data de comemoração do feriado civil de 9 de Julho para a próxima segunda-feira, 25. Na reunião do Congresso de Comissões na noite de quinta, 20, a bancada o PT votou em separado. Apesar do voto favorável à mudança, o partido apresentou ressalvas.

A bancada do PT apresentará medidas complementares ao PL que altera a data de comemoração do feriado civil de 9 de Julho para a próxima segunda

A bancada do PT apresentará medidas complementares ao PL que altera a data de comemoração do feriado civil de 9 de Julho para a próxima segunda Foto: Sérgio Galdino/Alesp

Para a deputada Professora Bebel (PT), “só antecipar o feriado é pouco. Precisamos de um isolamento social horizontal, com liberação apenas dos trabalhadores dos serviços essenciais.” As medidas complementares apresentadas pelo partido são a restrição do tráfego de veículos pelas estradas e rodovias, no perímetro de 150 km a partir do marco zero da capital, e a instituição de barreiras sanitárias a serem instaladas em todas de rodovias de acesso aos litorais norte e sul do Estado. A deputada, líder da minoria na Alesp, argumentou que “votamos favoravelmente pela urgência do projeto, mas queremos dialogar em cima desse substitutivo.”

Tudo o que sabemos sobre:

AlespPTferiadoscoronavírusSão Paulo