Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para chanceler, decisão de Trump não preocupa o Brasil

Equipe BR Político

O chanceler Ernesto Araújo afirmou neste final de tarde de segunda, 2, que a decisão do presidente Donald Trump de taxar o aço e alumínio do Brasil, e também da Argentina, não preocupa o País. Segundo ele, o presidente Jair Bolsonaro, “por enquanto”, não ligou para seu homólogo dos EUA, conforme havia adiantado pela manhã, “se fosse o caso”.

“Por enquanto, não (Bolsonaro não ligou). Por enquanto, estamos num nível técnico no sentido de entender as medidas (…) Vamos conversar, entender a medida. Como eu digo com toda a tranquilidade, não estamos, de forma nenhuma, apurados com isso. (O momento é de) avaliar o impacto, avaliar exatamente o tipo de medida que os Estados Unidos estão pensando”, disse.

Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo Foto: Pete Marcovich/EFE

O governo brasileiro divulgou nota em que diz que está “em contato com interlocutores em Washington” após ter tomado conhecimento da declaração de Trump, que já está em campanha pela reeleição. “O governo trabalhará para defender o interesse comercial brasileiro e assegurar a fluidez do comércio com os EUA, com vistas a ampliar o intercâmbio comercial e aprofundar o relacionamento bilateral, em benefício de ambos os países”, afirma a nota, assinada pelos ministérios das Relações Exteriores, Economia e Agricultura.