Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Para Freire, presidente está desesperado por investigação contra filho

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O presidente nacional do Cidadania, Roberto Freire, classificou de “operação tabajara” a possível atuação da Abin para auxiliar Flávio Bolsonaro nas investigações sobre o caso das rachadinhas.

“A operação tabajara dos dois arapongas de Bolsonaro pra fraudar a investigação contra o filho quadrilheiro mostra o desespero do presidente. Teme cedo ou tarde ser implicado no roubo milionário que, por enquanto, o MP atribui a Flavio e aos milicianos Queiroz e Adriano da Nóbrega.

Tudo o que sabemos sobre:

Roberto FreireAbin