Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Para Lira, impeachment ‘é um remédio institucional amargo’

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O deputado Arthur Lira (PP-AL) deixou claro que não é favorável a um eventual pedido de abertura de processo de impeachment do presidente. Ao comentar a posição semelhante defendida por seu oponente Baleia Rossi (MDB-SP), ele concordou com a visão.

“Sempre digo que ninguém pode se comprometer ou torcer por um impeachment. Ele é um remédio institucional amargo. E é fruto de uma conjunção de fatores e não uma decisão unilateral do presidente da Câmara”, afirmou.

Lira aproveitou para ironizar Baleia e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmando que “agora passaram a concordar com ele”. Apesar da provocação, ela é apenas narrativa de campanha. Nos últimos dois anos, Maia, em nenhum momento, fez qualquer movimento pelo impeachment de Jair Bolsonaro. Tem, inclusive, mais de 50 pedidos sobre isso sem atendimento. E o deputado sofre críticas dos oponentes de Bolsonaro justamente por nunca ter topado avançar na direção do impeachment.

Tudo o que sabemos sobre:

Arthur Liraimpeachment