Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para Olavo, Bolsonaro não tem ‘noção’ de como ‘desarmar os inimigos’

Equipe BR Político

O escritor Olavo de Carvalho, que no início de 2019 prometeu que “não se meteria mais na política brasileira”, usou suas redes sociais na manhã desta segunda-feira, 30, para afagar e criticar o governo do presidente Jair Bolsonaro. Segundo o filósofo, “falta por completo” ao mandatário a da República a “noção primeira e mais fundamental do poder político: desarmar os inimigos.”

Enigmático, Olavo não de detalhes sobre a que seu comentário se referia. “O governo Bolsonaro tem feito muita coisa boa, mas o que lhe FALTA POR COMPLETO é a noção primeira e mais fundamental do poder político: desarmar os inimigos. Disto ele NÃO TEM A MENOR IDÉIA”, escreveu.

Horas mais tarde, o escritor fez um novo comentário direcionando críticas ao Planalto. Na opinião de Olavo, o governo “oferece-se” como “saco de pancadas e depois choraminga”. Ele criticou o que chamou de o aceite de “partidos ilegais” na interlocução de assuntos importantes ao governo. “Aceitar partidos ilegais como interlocutores válidos no debate democrático e depois reclamar que eles retardam e deformam as medidas saneadoras propostas pelo governo é oferecer-se de saco de pancadas e depois choramingar que isso dói”, escreveu Olavo.