Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para reabrir comércio, manifestantes cercam casa de prefeito de Teresina

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), foi alvo de uma manifestação ontem à noite, quando uma carreata parou em frente à sua residência para protestar contra as medidas de isolamento social. Os manifestantes cobravam a reabertura do comércio. O prefeito criticou o ato e disse que identificou e denunciou os responsáveis para a Justiça.

O prefeito de Teresina, Firmino Filho

O prefeito de Teresina, Firmino Filho Foto: Prefeitura de Teresina

“Nesses quase 30 anos de vida pública, já enfrentei muitos adversários. Mas nunca, nunca, nenhum chegou ao ponto de agredir meu lar e minha família como acabou de acontecer em frente a minha casa”, escreveu Firmino nas suas redes sociais.

“Um desrespeito não apenas à minha mulher e aos meus filhos, mas também aos meus vizinhos, que há décadas me conhecem e são testemunhas do respeito que sempre tive pelo espaço privado das famílias”, acrescentou.

“Protestos, críticas e divergências fazem parte da vida pública das pessoas, mas nada justifica esse tipo de atitude vil e covarde, especialmente em momentos como esse, em que quase 100 teresinenses e 30 mil brasileiros perderam suas vidas pra COVID-19”, lembrou o prefeito, citando a ainda elevada curva do coronavírus.

“Os responsáveis por essa ação criminosa já foram identificados e terão que responder na justiça. Aos teresinenses, fortaleço ainda mais minha missão de lutar por cada vida nessa cidade. Vamos vencer juntos. E com honra”, concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:

Firmino FilhocoronavírusTeresina