Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Para Temer, ‘não há clima’ para autoritarismo

Equipe BR Político

Na avaliação do ex-presidente Michel Temer, não há autoritarismo hoje no Brasi. Nas ocasiões, por exemplo, em que o presidente Jair Bolsonaro afirmou que “quem manda” ou “quem indica” é ele e não os ministros, estava apenas repetindo o que diz a Constituição, defende Temer. “A democracia, de 1988 pra cá, vem sendo construída paulatinamente. Cada governo exerceu seu papel. Pode ter uma ou outra autoridade que seja mais, digamos, entusiasmada. Mas não creio que caminhamos para autoritarismo. Não há clima para isso”, afirmou, em entrevista ao Valor. Aos olhos do eleitorado, segundo Temer, essa questão é relativa. “O povo quer é resultado. Lamento dizer: se você está num sistema autoritário que dê pão à mesa de todos os brasileiros… você quer resultados.”

Também em relação ao atual governo, o ex-presidente diz que Bolsonaro pegou uma “estrada asfaltada” e continua políticas iniciadas em seu governo. O governo Bolsonaro está dando sequência ao que eu fiz, em todos os setores. No Acordo União Europeia-Mercosul, no caso da Previdência, no caso das privatizações. As privatizações feitas neste primeiro momento tinham sido todas planejadas e documentadas pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio, que era da PPI (Programa de Parcerias de Investimentos) e trabalhava com o (Wellington) Moreira Franco. Tudo aquilo já estava organizado para ser feito”, afirmou.

Assine o BR Político para ter acesso a produtos e informações exclusivos. Clique neste link para se tornar um assinante.