Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Parlamentares elogiam guia do MEC com diretrizes para volta das aulas presenciais

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O Ministério da Educação parece ter acertado ao finalmente criar um guia com diretrizes para o retorno das aulas presenciais. A pasta foi elogiada pela Comissão Externa de Acompanhamento do Ministério (Comex), formada por parlamentares de diversos partidos.

Em uma nota de posicionamento, assinada pelos coordenadores da comissão,  são destacados os protocolos para diversos ambientes escolares e as orientações específicas para a educação infantil, para os alunos com deficiência e para a educação escolar indígena, quilombola e demais povos tradicionais. “Além disso, consideramos que o material acerta ao incentivar o ensino híbrido e a proposição de um Conselho Escolar Ampliado, a fim de tornar o processo de volta às aulas participativo, seguro e inclusivo”, afirmam.

“Os parlamentares que integram a coordenação e relatoria da Comissão, reforçando a preocupação com o retorno seguro às atividades escolares e reafirmando a crença do papel central do MEC na liderança deste processo recomendam que o Ministério da Educação difunda as orientações deste documento para gestores públicos das redes escolares,diretores, professores e estudantes”, completa a nota.

Assinam o posicionamento os deputados Felipe Rigoni (PSB-ES), Israel Batista (PV-DF), João H. Campos (PSB-PE), Tabata Amaral (PDT-SP), Aliel Machado (PSB-PR), Eduardo Bismarck (PDT-CE), Israel Batista (PV-DF), Tiago Mitraud (Novo-MG) e Luisa Canziani (PTB-PR).

Confira a nota na íntegra:

Tudo o que sabemos sobre:

Ministério da Educação