Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Paulinho: ‘Acusação beira o ridículo’

Equipe BR Político

Investigado também pela Polícia Federal por fazer parte de suposto esquema de concessão fraudulenta de registros sindicais junto ao Ministério do Trabalho, o deputado federal Paulinho da Força, presidente nacional do Solidariedade, afirmou em nota que a acusação contra ele “beira o ridículo”. O parlamentar é alvo de nova operação policial nesta manhã de terça, 11.

“A delação da JBS foi desmoralizada publicamente e a fraude realizada pelos delatores foi comprovada com a prisão dos dois empresários pelo Superior Tribunal Federal (STF). A acusação absurda de compra de apoio do partido Solidariedade para a candidatura à Presidência de Aécio Neves, em 2014, beira o ridículo”, diz a nota de Paulinho.

Tudo o que sabemos sobre:

Paulinho da ForçaPolícia FederalRoss