Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Guedes sobre não ir ao FMI: reformas primeiro

Vera Magalhães

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta manhã ao BRPolítico que decidiu não participar da Reunião Anual do Fundo Monetário Internacional para priorizar a agenda de reformas. “Reformas internas first”, respondeu o ministro, quando questionado a respeito da decisão de não ir a Washington.

O ministro da Economia, Paulo Guedes

Paulo Guedes. Foto: José Cruz/Agência Brasil

Ele afirmou que é uma questão de fixar “prioridades”. Não deve haver nesta semana o envio de nenhuma das propostas de reformas que estão sendo estruturadas pelo Ministério da Economia (administrativa e tributária), mas o ministro tem se dedicado a uma série de costuras políticas para encadear as propostas e, também, ultimar projetos como o de privatização da Eletrobras. Além disso, ainda há detalhes a serem acertados para os leilões do excedente da cessão onerosa, no início de novembro, para os quais o governo tem imensa expectativa, pela receita que podem gerar.