Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Paulo Preto é condenado a 27 anos de prisão

Equipe BR Político

Apontado como operado do PSDB em esquema de desvio de dinheiro público, o ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza foi condenado pela Justiça a 7 anos e 8 dias em regime fechado e 20 anos de detenção pelos crimes de cartel e fraude à licitação, informa o Estadão. Os procuradores afirmam que a atuação dos acusados, desde 2004, mediante ajuste prévio firmado entre as empresas e o poder público, “eliminou totalmente” a concorrência nas obras do trecho sul do Rodoanel e em sete grandes obras do Programa de Desenvolvimento do Sistema Viário Metropolitano.

Além desta ação, Vieira de Souza é réu também na 5.ª Vara Federal de São Paulo em ação por supostos desvios de R$ 7,7 milhões que deveriam ser aplicados na indenização de moradores impactados pelas obras do Rodoanel Sul e da ampliação da avenida Jacu Pêssego.

Tudo o que sabemos sobre:

paulo pretoPSDB