Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Pazuello ao STF: Após aval da Anvisa, vacinas devem chegar em 5 dias aos Estados

Cassia Miranda

Exclusivo para assinantes

Em atendimento ao prazo dado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, enviou à Corte, nesta terça-feira, 15, o cronograma de vacinação contra a covid-19. A pasta estima que no período de 12 meses concluirá a vacinação de toda a população.

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini

No último sábado, o ministro do STF deu prazo de 48h para o governo federal informar sobre a previsão de início e término das fases da vacinação o País.

No documento entregue por Pazuello, o ministério prevê a distribuição dos imunizantes aos Estados em até cinco dias após o registro do medicamento pela Anvisa ou autorização para uso emergencial.

“Registrada uma vacina ou autorizado o uso emergencial de um imunizante, bem assim seja o imunobiológico adquirido (nos termos da legislação pertinente) e entregue no Complexo de Armazenamento do Ministério da Saúde, a previsão de distribuição para Estados e Distrito Federal é de até cinco dias”, informou Pazuello.

Veja a íntegra do documento

.