Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

PDT protocola notícia-crime contra Bolsonaro

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, e o vice, Ciro Gomes, protocolaram nesta quinta-feira, 7, notícia-crime no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o presidente Jair Bolsonaro pela demora do início da vacinação contra a covid-19 no País. A justificativa do partido é de que, mesmo diante da existência de opções de vacina contra o novo coronavírus, o governo federal continua a politizar o debate, sem nem ao menos apresentar uma data específica para iniciar o processo de imunização no País.

No documento de 17 páginas, o partido cita que o governo tem feito “esforços hercúleos para entronizar o negacionismo e a ignorância diante da ciência”.

“Estamos correndo contra o tempo durante a maior pandemia da história da humanidade, e com se não bastasse, ainda precisamos combater esse discurso ignorante e negacionista de quem deveria trabalhar pela vida dos brasileiros para sairmos dessa situação. É criminoso assistir diariamente o chefe do Executivo atentar contra a vida do povo e pisar em cima dos cadáveres de quase 200 mil mortos com suas decisões equivocadas e delírios que atravessam a linha do senso comum e da ciência”, afirmou Lupi, ao denunciar Bolsonaro.

No Twitter, Ciro escreveu: “Uma notícia-crime por atentado contra a saúde pública e prevaricação”.