Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Pente-fino nas terceirizadas

Equipe BR Político

Contratos da União com empresas terceirizadas vão passar por novo escrutínio pela futura equipe do governo eleito. O Ministério do Turismo é um dos próximos alvos, informa o Estadão. A pasta gasta com profissionais como garçons, bombeiros civis, secretárias e recepcionistas valor que chega a ser o dobro das remunerações de oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros dos Estados.

Na Secretaria de Comunicação da Presidência, a equipe de Jair Bolsonaro avalia detalhes dos contratos firmados ainda em 2017 com as agências de publicidade Artplan, Calia Y2 e PPR. Juntos têm previsão de um gasto de R$ 260 milhões neste ano. Na Saúde, foram identificados contratos de publicidade nas redes sociais de valor “abusivo”.

 

Tudo o que sabemos sobre:

terceirizadasMinistério do Turismo