Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Planos para Maia e Alcolumbre

Equipe BR Político

Com apenas um quarto do mandato de presidente da Câmara e do Senado cumprido, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), respectivamente, já pensam em alternativas para permanecerem nos cargos. Nos bastidores, um grupo de parlamentares avalia a possibilidade de apresentar uma PEC para permitir reeleições ao comando do Legislativo, sem qualquer limitação. Por entenderem que se trata de uma questão interna, três ministros do STF que foram consultados reservadamente já deram “ok” à iniciativa.

Atualmente, a Constituição proíbe que presidentes da Câmara e do Senado sejam reconduzidos ao cargo na mesma legislatura. Isso quer dizer que, em 2021, nem Maia nem Alcolumbre poderão concorrer à reeleição, se essa regra – também contida no regimento das duas Casas – não for alterada.“Não estou sabendo de nenhuma articulação nesse sentido e sou contra”, disse Maia ao Estadão. Neste sábado, 22, em seu Twitter, o deputado escreveu que a alternância de poder é “o grande instrumento da democracia”. A ideia teria partido de Alcolumbre, mas, por meio de sua assessoria, ele negou qualquer manobra para se manter à frente do Senado.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo MaiaDavi AlcolumbreReeleição