Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Podemos pede para Maia pautar PL que suspende pagamentos do consignado

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O Podemos está cobrando o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) que paute o projeto de lei que suspende o pagamento de parcelas do crédito consignado. O PL foi aprovado em junho e está parada na Câmara desde então. “Nunca vi nada parecido. Os senadores aprovaram a proposta no dia 18 de junho e ele só entrou oficialmente em tramitação na Câmara no dia 4 de agosto’, disse o líder do Podemos na Casa, Léo Moraes.

O PL suspende por 120 dias o pagamento de parcelas de contrato de crédito consignado, como medida de socorro financeiro às famílias, em decorrência da pandemia do coronavírus. Nesta semana, os senadores também cobraram publicamente que a Câmara votasse o texto. O autor do texto, Otto Alencar (PSD-BA) disse que os bancos atuam como “poder invisível” para impedir a votação e disse que os deputados “não estão subordinados” a esse poder.