Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Polícia inclui ameaça a cervejeiro em investigação

Equipe BR Político

Um boletim de ocorrência por ameaça de morte foi registrado na Polícia Militar deMinas Gerais, em 19 de dezembro, por um supervisor da cervejaria Backer contra um funcionário demitido da empresa na manhã daquele dia, informa o Estadão. Os envolvidos são citados no relato de ameaça como “cervejeiros”. A Polícia Civil não confirmou que o atrito possa estar ligado à suposta contaminação da marca de cerveja Belorizontina pela substância dietilenoglicol, mas informou não descartar nenhuma linha de investigação.

Uma pessoa morreu e nove seguem internadas em hospitais da capital e região metropolitana com suspeita de terem bebido a cerveja. Todas apresentaram quadro de insuficiência renal e problemas neurológicos. Segundo as autoridades de saúde, os registros dos casos na rede de saúde do Estado também começaram em 19 de dezembro.

Tudo o que sabemos sobre:

Backer