por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Por que o PSL votou contra o governo?

Vera Magalhães

A votação da proposta de emenda constitucional que permite o engessamento maior do Orçamento e contraria a ideia do ministro Paulo Guedes (Economia) de desvincular recursos foi aprovada com a indicação de voto favorável dos líderes do PSL, Delegado Waldir, e do líder do governo na Casa, ambos do PSL de Goiás. Só 6 dos 54 deputados do PSL de Jair Bolsonaro votaram contra a proposta. Muitos deles demonstravam em plenário nem saber que ela ia contra os planos do ministro da Economia. “Não somos contra o governo. Somos a favor do Parlamento”, disse o líder do PSL.

O chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, deixou a votação correr solta. “Eu estou perplexo. Muitas vezes não sei mais quem é situação e quem é oposição”, reagiu o líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), segundo o Estadão. “Qual é a estratégia que está por trás de ter o Orçamento engessado?” / V.M.