Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Pozzobon enaltece troca de informações com a Receita

Equipe BR Político

Após a nova reportagem da Vaza Jato mostrar que procuradores pediram de maneira informal informações para a Receita, o procurador Roberson Pozzobon saiu em defesa das atitudes da força-tarefa. Mesmo sem o MPF reconhecer a autenticidade das mensagens vazadas. “O Estado funciona melhor na repressão de crimes de colarinho branco quando Ministério Público, Receita Federal, Polícia Federal, Coaf, Cade e CGU cooperam entre si, quando são edificadas pontes e não muros entre tais instituições”, escreveu em seu Twitter.

“A cooperação entre o MPF e a Receita Federal na operação Lava Jato, sempre com amparo na lei, é uma via de mão dupla, amplamente benéfica para a sociedade brasileira.”