Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Pozzobon: ‘Lei de Abuso instaurou um regime de medo’

Marcelo de Moraes

Integrante da força-tarefa da Lava Jato, o procurador Roberson Pozzobon não escondeu sua insatisfação com a derrubada dos vetos presidenciais à Lei de Abuso de Autoridade. Para ele, a nova lei vai dificultar a atuação dos investigadores e “instaurou um regime de medo”.

“São corriqueiras, no Direito, divergências sobre o que é conforme a lei e o que não é; sobre quando é ou não cabível uma prisão. Por isso existem recursos. A lei de abuso tornou crime a divergência jurídica e instaurou um regime de medo. Absurdo”, escreveu o procurador nas suas redes socais.

Em outra postagem, Pozzobon afirmou que  “o foco foi criminalizar a interpretação das leis por juízes, promotores e policiais”. “Difícil pensar em maior retrocesso”, acrescentou.