Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Presidente da Abag critica Eduardo Bolsonaro

Vera Magalhães

Exclusivo para assinantes

O presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), Marcello Brito, criticou nesta quinta-feira para o BR Político a postura do deputado federal Eduardo Bolsonaro em relação à China. No Twitter, Eduardo associou a disseminação da pandemia do novo coronavírus ao Partido Comunista chinês e ao governo.

O presidente da Abag, Marcello Brito

O presidente da Abag, Marcello Brito Foto: Abag

“O comentário foi infeliz”, disse Brito. “Num momento como esse, precisamos de calma e bom senso”, declarou o dirigente do agro, setor no qual as relações comerciais com a China são mais intensas e fundamentais.

“A China é nosso principal parceiro comercial e está saindo da crise do coronavírus com muito trabalho e à custa de muitas vidas. Sua experiência poderá ajudar o Brasil no enfrentamento dessa pandemia, como já estão fazendo em outros países”, declarou.

Tudo o que sabemos sobre:

AbagEduardo BolsonaroChinaMarcello Brito